sábado, 24 de janeiro de 2009

Saudades


1.º Congresso Infantil do Campo Eclesiástico de Ponta Grossa, em fevereiro de 2006.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Meu querido Pai


Pr João Carlos Vilande

2.º Secretário da CIEADEP

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Minha linda esposa

Pr José Vilande e sua esposa Ana Maria
Se eu não te amo como antes, é porque hoje te amo muito mais!
(José Vilande)

domingo, 18 de janeiro de 2009

Por que a Assembleia de Deus nasceu e deve continuar sendo conservadora?

Muitos crentes assembleianos da nova geração têm aversão ao adjetivo “conservador”, associando-o a farisaísmo, legalismo, fanatismo e posturas extremistas quanto a usos e costumes. Pensam que o conservador é aquele crente estereotipado, inimigo de tudo o que é novo, que parece viver em seu “mundinho”, como se pertencesse a uma religião ascética (cf. Cl 2.23, ARA).Mas, à luz da Palavra de Deus (e para espanto de muitos), todo salvo deve ser conservador. E a Assembleia de Deus que se preza também deve ser conservadora. Por quê? Porque conservar, do ponto de vista bíblico, não significa ter uma falsa santidade, estereotipada, que faz dos usos e costumes a causa, e não o efeito. E implica observância à sã doutrina, a qual nos leva a ter santidade interna e externa.Em 2 Timóteo 1.13 está escrito: “Conserva o modelo das sãs palavras que de mim tens ouvido, na fé e na caridade que há em Cristo Jesus”. A Bíblia nos manda guardar, conservar, o que temos recebido do Senhor (1 Tm 6.20; 2 Tm 1.14). E, para as igrejas da Ásia que estavam agradando ao Senhor Jesus, Ele transmitiu mensagens que implicavam manutenção, conservação (Ap 2.25; 3.11). Mas, por que muitos não querem ser conservadores?Ser conservador não é apenas ter aparência de piedade (Cl 2.20-22), tampouco se isolar da sociedade. Jesus, o Homem mais santo que andou na terra, não se afastava dos pecadores (Lc 5.32; Jo 2.1-11). Ele ensinou que a nossa luz deve brilhar em meio às trevas (Mt 5.16). Ser conservador também denota reter o bem, manter o que é bom, verdadeiro (1 Ts 5.21). E sabemos que as verdades da Palavra de Deus são inegociáveis, mas isso não significa que devamos abrir mão das estratégias lícitas de evangelização (1 Co 6.12; 9.22).O verdadeiro conservador não é legalista ou coisa parecida. Ele não é um fanático, um estereótipo de crente, tampouco se opõe a tudo o que é novo (Ec 7.16,17; 1 Ts 5.21). Por outro lado, o conservador também não é como alguns crentes da atualidade, os quais desprezam o fato de o Senhor atentar para a globalidade do ser humano, pensando que Ele não se preocupa com o nosso exterior. O Senhor olha para a nossa totalidade: espírito, alma e corpo, nessa ordem (1 Ts 5.23).Mas, a bem da verdade, enquanto alguns “assembleianos” afirmam que têm liberdade para fazerem o que bem entendem, deixando de observar a santificação plena, existem aqueles que consideram tudo pecaminoso. Estes também estão enganados, posto que ignoram o fato de os mandamentos de Deus não serem pesados (1 Jo 5.3), sendo a sua vontade agradável (Rm 12.2) e o seu fardo leve (Mt 11.30).Reconheço que há líderes extremistas que pregam o falso conservadorismo farisaico. Fujamos disso! A Palavra do Senhor condena o extremismo (Ec 7.16,17). Por isso, a Assembleia de Deus que se preza conserva a verdade; guarda e cumpre a Palavra de Deus (Jo 14.23; Ap 3.8,10). Não é legalista, exigindo dos seus membros uma santificação inatingível, posto que Deus respeita as nossas limitações, como disse o salmista, inspirado pelo Espírito: “... ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó” (Sl 103.14).O Deus da Assembleia deseja que a Assembleia de Deus conserve o modelo das sãs palavras (Jo 14.23; Ap 1.3; 3.8; Sl 119.11), a santidade e a pureza (Ap 3.4), a boa consciência (1 Tm 1.19; 3.9), a fé (2 Tm 4.7,8) e, sobretudo, o poder do Espírito Santo (1 Ts 5.19, ARA). Mas há uma nova geração, formada por obreiros não-chamados ou desviados da verdade que querem um evangelho fácil, sem mudança exterior, “sem religiosidade”, como dizem. E esses buscam mudanças (Pv 24.21) e consideram os obreiros conservadores ultrapassados, retrógrados ou legalistas.Tenho visto, com tristeza, que muitos assembleianos, com ojeriza do legalismo farisaico, estão partindo para o liberalismo — total ou parcial. De um lado, líderes, pregadores e crentes em geral, seguidores do legalismo, condenam pessoas sem misericórdia. De outro, estão aqueles que desprezam a sã doutrina; que “vivem e deixam viver”.Será que os obreiros dessa nova geração sabem que a Assembleia de Deus nasceu conservadora? Ah, eles ouviram falar... Mas não querem saber de passado. Eles querem uma igreja moderna, sem limites! Para eles, por que não usar a dança de rua e o funk dentro das igrejas, já que são grandes atrativos para a juventude? E isso já está acontecendo em algumas Pseudo-assembleias de Deus. Uso esse termo contundente porque tenho convicção de que a Assembleia de Deus que se preza não aceita esses injustificáveis modismos.Essa nova geração de obreiros “assembleianos” não quer ser conservadora. Prefere pregar mensagens de auto-ajuda, que agradam os ouvidos (2 Tm 4.1-5), e não a mensagem da cruz (1 Co 1.18-22). Os tais obreiros, em geral muito jovens — mas também neófitos (pois há jovens de valor) —, são insubmissos. Não respeitam os seus líderes. Entram no ministério, mas o ministério não entra neles. Consideram-se donos da verdade. Alguns sequer têm chamada de Deus. E há também aqueles que verberam contra os seus próprios pastores!Os proponentes “assembleianos” da nova geração gostam da falaciosa teologia da prosperidade; na verdade, eles gostam é do dinheiro e da popularidade que essa teologia lhes traz (2 Pe 2.3,15,16; 1 Tm 6.19,20; 2 Co 11). Eles ridicularizam os conservadores do passado, homens dos quais o mundo não era digno, e os que desejam andar como aqueles andaram. Mas os neo-assembleianos são mercantilistas. Sente em uma mesa para conversar com um deles e você saberá qual é o seu deus: o dinheiro (2 Co 2.17).Perguntemos pelas “veredas antigas”, a fim de encontrarmos descanso para as nossas almas (Jr 6.16). Avivamento não é buscar inovações — ainda que haja boas inovações. Mas, sim, renovação; implica recuperar o que foi perdido, (Lm 5.21; 2 Cr 29.20-36). Se a Assembleia de Deus quiser continuar sendo uma igreja que faz a diferença neste mundo tenebroso, precisa continuar sendo conservadora, equilibrada, biblicocêntrica (Pv 4.26,27). Afinal, embora a Palavra de Deus não exija nada além do que possamos fazer, também não ensina as pessoas a viverem uma vida libertina, sem regras. “Faze-me andar na verdade dos teus mandamentos...”, disse o salmista (Sl 119.35).
Pr Ciro Sanches Zibordi

sábado, 17 de janeiro de 2009

Golpe nas Estradas

Cuidado, novo golpe!
Você está na estrada, quando alguém em um outro carro, dá sinal sobre um problema no seu carro, e segue adiante. Você acredita que é alguém bem intencionado e, vendo que o carro foi embora, você pára no acostamento para ver o que há de errado. Nesse momento, outro carro que estava seguindo você, e você não percebeu, pára logo atrás. Você é pego completamente desprevenido, pelos comparsas que estão nesse carro.
A Polícia Rodoviária informa que se trata de uma quadrilha bem organizada, que já está agindo há algum tempo e que eles não estão conseguindo pegar.
Cuidado, não caia nesse golpe. NÃO PARE.
Se for o caso, espere até chegar a um posto ou restaurante, ou peça ajuda à Polícia, pelo celular.
Repasse essa informação. Não deixe seu amigo ou parente cair nessa armadilha.

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Bob Pai e Bob filho


Bob Pai e Bob filho, é assim que mamãe Ana Maria nos chama. (rsrsr!)

Nosso lindo filho


José Henrique dos Santos Vilande cada dia mais lindo!

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Férias


Estivemos de férias no mês de outubro do ano passado. Visitamos a cidade de Bonito - MS, no pantanal. Dentre os muitos passeios, fizemos flutuação em um aquário natural (águas mais claras do planeta terra). A foto a cima Pr João Carlos Vilande e Pr José Vilande.

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Igreja Assembléia de Deus - Jd Sabará



Igreja Evangélica Assembléia de Deus
Rua Durval Wolf, 49 - Jd Sabará


Uma família para receber a sua famíla!



Horário de nossas celebrações
Terça-feira - 14:00 h Reunião de Senhoras
Quinta-feira - 20:00 h Estudo Bíblico
Sexta-feira - 20:00 h Reunião de Oração
Sábado - 19:30 h Reunião Grupo de Jovens
Domingo - 09:30 h Escola Bíblica Dominical
Domingo - 19:00 h Culto
Informações: (42) 3236 1943 / 9979 0612

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Nossos Pastores


Este é o ano do jubileu de prata do ministério pastoral do Rev José Polini em Ponta Grossa. Durante estes anos de intensa dedicação e trabalho, estamos acompanhando o crescimento da obra neste campo eclesiástico.

Oração por Israel

Orai pela paz de Jerusalém! Prosperarão aqueles que te amam” (Salmo 122.6).
Como filhos legítimos do Deus vivo andamos pelos princípios que nosso Pai Celestial estabeleceu. Devemos orar por Israel primeiramente porque é bíblico. Mas vejamos: Alguns pontos porque a Igreja de Jesus deve amar Israel e seu povo:
a) Em que país nasceu, viveu, morreu e ressuscitou Jesus? Resposta: Em Israel..
b) Por meio de quem a bênção de Deus foi estendida até nós? Resposta: Jesus, um judeu.
c) Em qual país foram as leis de Deus editadas? Resposta: Em Israel.
d) Em que país nasceram cada um dos 40 autores da Bíblia? Resposta: Em Israel.
f) Em qual cidade aconteceu o primeiro batismo do Espírito Santo? Resposta: Em Jerusalém, Israel.
g) Qual é a única cidade do mundo que orando por ela recebe-se paz, prosperidade e muitas outras bênçãos de acordo com o Salmo 122, verso 6? Resposta: Jerusalém, em Israel.
h) Em 2005, quando uma onda de febre aftosa atacou nosso gado bovino e todos os países se fecharam para importar nossa carne bovina, sabe qual foi o primeiro país que recomeçou a importação? Resposta: Esse mesmo. Israel.
i) Será que todos estes fatos podem ser coincidências ou será que podem simplesmente ser ignorados? Claro que esses fatos não podem ser ignorados e certamente, não são apenas coincidências. Nada acontece por acaso. Todas as coisas são estabelecidas e realizadas pelos princípios de Deus.Israel sempre será grato ao Brasil pois em 1947, na ONU, na votação pela criação ou não do Estado de Israel, resgatando a terra que lhes havia sido tomada, o voto de desempate foi do brasileiro Osvaldo Euclides de Sousa Aranha, que votou pela criação do Estado de Israel. A criação foi efetivada em 15 de maio de 1948.
j) Jerusalém é o berço do Cristianismo Lucas 24. 46 e 47 46 - E disse-lhes: Assim está escrito, e assim convinha que o Cristo padecesse e, ao terceiro dia, ressuscitasse dos mortos; 47 e, em seu nome, se pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados, em todas as nações, começando por JERUSALÉM. Durante a história nós podemos perceber que as nações que foram solidárias ao projeto de Deus no que tange a Israel foram nações prósperas e abençoadas. O Senhor mesmo disse a Abraão: "Eu te abençoarei!" Mas amar e abençoar Israel é, ao mesmo tempo, um privilégio e um desafio. Os princípios de Deus não foram escritos para agradas aos sábios deste mundo, mas com certeza agradam aos mansos e humildes, porque desses é o Reino dos céus e herdarão a terra.
É hora de se levantar em intercessão pela casa de Israel. Pois quando fazemos isso estamos cumprindo a vontade do Senhor, abençoando tanto a Sua Igreja como Israel. Podemos notar que as igrejas que obedecem ao princípio de orar pela paz de Jerusalém são grandemente abençoadas na área da prosperidade, recebem uma unção profética – porque o obedecer faz com que os nossos olhos sejam abertos para as realidades espirituais do que Deus tem para nós.
O povo judeu tem direito de lutar pela terra de Israel O direito de Israel de possuir a terra de Canaã é fundamentado na promessa divina. Gn 13.14 a 18 14 E disse o SENHOR a Abrão, depois que Ló se apartou dele: Levanta, agora, os teus olhos e olha desde o lugar onde estás, para a banda do norte, e do sul, e do oriente, e do ocidente; 15 porque toda esta terra que vês te hei de dar a ti e à tua semente, para sempre. 16 E farei a tua semente como o pó da terra; de maneira que, se alguém puder contar o pó da terra, também a tua semente será contada. 17 Levanta-te, percorre essa terra, no seu comprimento e na sua largura; porque a ti a darei. 18 E Abrão armou as suas tendas, e veio, e habitou nos carvalhais de Manre, que estão junto a Hebrom; e edificou ali um altar ao SENHOR.
Deus jamais quebra suas promessas mas Ele as cumpre Salmo 89.34 - Não quebrarei o meu concerto, não alterarei o que saiu dos meus lábios.
O povo judeu é como o relógio de Deus para a humanidade Tudo o que acontece com o povo de Israel, pode ser compreendido como um sinal da vinda de Cristo.
A Igreja de Jesus hoje está dizendo: Baruch Habah B'shem Adonai! Bendito o que vem em nome do Senhor! Maranata! Ora vem, Senhor Jesus!

Posse do Pb Elcio

Na próxima quarta-feira 14/01/09 - será a posse do Pb Elcio Leônidas Disenha na Igreja Assembleia de Deus Congregação do Jardim Los Angeles (Setor 3). Desejamos muito sucesso ao amado companheiro. E parabéns a congregação, pois esta recebendo um valoroso servo de Deus.

domingo, 11 de janeiro de 2009

Evangelismo

Então disse-lhes: "Vão ao mundo inteiro e preguem a Boa Nova a todo mundo, em toda parte (Mc 16.15). Neste ano iniciaremos uma série de cultos evangelísticos no Setor 5. O primeiro será no Parque do Café, no próximo domingo dia 18/01/09 - a partir das 14:30h.

sábado, 10 de janeiro de 2009

O poder vicia mais do que as drogas

Vivemos os dias que a Bíblia denomina de trabalhosos (2 Tm 3.1). E um dos grandes males que nos atinge, é sem dúvida o desejo pelo poder, à vontade de a qualquer preço comandar, mandar e sujeitai outras pessoas.
Na opinião de John Stott, a sede de poder tem sido uma característica da história humana e “está presente na política e na vida pública, nos grandes negócios e na indústria, nas diferentes profissões e na mídia, e até mesmo na igreja e nas organizações paraeclesiásticas”. O conhecido teólogo inglês chega a dizer que “o poder é mais tóxico que o álcool e vicia mais do que as drogas”.
A respeito disto diz a Bíblia: "Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes" (Tg 4.6).

Jovens brasileiros são mais religiosos que outros


De acordo com o instituto alemão Bertelsmann Stiftung, os jovens brasileiros são mais religiosos do que quase todos os outros jovens do mundo. Na pesquisa feita em 21 países, com 21 mil jovens entre 18 e 21 anos, o Brasil ficou em terceiro lugar, perdendo para a Nigéria e a Guatemala, e empatando com a Indonésia e Marrocos -- países de maioria muçulmana. De acordo com o relatório, 65% dos jovens brasileiros são “profundamente religiosos”, embora apenas um terço dos entrevistados viva de acordo com os ensinamentos de sua religião. Quatro por cento dos tupiniquins entrevistados afirmam não ter religião, enquanto na escala global, a porcentagem dos que não acreditam em Deus é três vezes maior. (http://www.ultimato.com.br)

Carnaval nunca mais

O “Auto-retrato” da revista “Veja” da primeira semana de novembro focaliza a conversão de Valéria Valenssa, 37 anos, esposa de Hans Donner e mãe de dois filhos, conhecida em todo o país pela vinheta que anunciava o Carnaval na TV Globo. Há cerca de três anos ela começou a participar das reuniões promovidas por funcionários evangélicos da Globo, realizadas nas proximidades da emissora, e acabou tendo um encontro real com Deus. Hoje, a ex-Globeleza dá testemunho de sua experiência de vida nos templos da Igreja Universal do Reino de Deus. (http://www.ultimato.com.br).

Escola Bíblica Dominical

Lição 2 - Josué Assume a Liderança de Israel
Texto Áureo: "Não to mandei eu? Esforça-te e tem bom ânimo; não pasmes, nem te espantes; porque o Senhor, teu Deus é contigo, por onde quer que andares" (Js1.9).
VERDADE PRÁTICA
As conquistas de um autêntico líder são impelidas por ações que demonstram sabedoria, coragem, determinação e convicção.
Subsídios extras para a lição: http://www.cpad.com.br/

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Posse do Ev. Jesus Vilande

Quarta-feira a patir das 19:30 h, será a posse do Ev. Jesus Vilande na Congregação da Vila 31 de Março (Setor 2).

Fácil e difícil

Falar é completamente fácil, quando se tem palavras em mente que se expresse sua opinião...
Difícil é expressar por gestos e atitudes, o que realmente queremos dizer.
Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias...
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus próprios erros.
Fácil é fazer companhia a alguém, dizer o que ela deseja ouvir...
Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer a verdade quando for preciso.
Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre a
mesma...
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer.
Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado...
Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece.
Fácil é viver sem ter que se preocupar com o amanhã...
Difícil é questionar e tentar melhorar suas atitudes impulsivas e as vezes impetuosas, a cada dia que passa.
Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar...
Difícil é mentir para o nosso coração.
Fácil é ver o que queremos enxergar...
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto.
Fácil é ditar regras e,
Difícil é segui-las...

(*) Título original: Reverência ao destino (Carlos Drummond de Andrade)